Em uma entrevista recente ao programa satírico The Babylon Bee, Elon Musk disse que não acredita no conceito atual de metaverso, muito menos que irá revolucionar o mundo. Porém, ele acrescenta que uma alternativa possível e muito melhor é o Neuralink, um chip que será implantado cirurgicamente no cérebro dos usuários.

De acordo com o bilionário, é desconfortável ter que colocar um equipamento pesado na cabeça o tempo todo para entrar em uma realidade virtual. Ele também não acredita que os óculos de realidade virtual podem entregar a experiência de um metaverso, já que tem uma tela na frente do seu rosto te impedindo de acreditar que aquilo é real.

“É desconfortável ter essa coisa [óculos VR] amarrada na cabeça o tempo todo. Acho que estamos longe de desaparecer no metaverso. A longo prazo, um Neuralink sofisticado poderia colocá-lo totalmente, totalmente em uma realidade virtual”, disse Musk durante a entrevista.

Um dos pontos de Musk é que a tecnologia ainda não é tão avançada para existir um universo virtual e nenhuma das versões atuais o convenceram — certamente, ele parece não apreciar o metaverso do Facebook. “Eu não vejo ninguém usando uma maldita tela no rosto o dia inteiro. Não consigo ver uma situação de metaverso convincente”, disse.

Elon também criticou a Web 3.0 e disse que esse conceito de mundo descentralizado parece mais marketing que realidade. O CEO da Tesla acredita que a Web 3.0 não democratizará a internet, apenas deve tirar algumas pessoas do poder e colocar outras.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.